Eva me chamaste

Fizeste das minhas costas o teu piano

Dos teus desenhos as minhas curvas

Da minha boca a tua maçã

Dos meus olhos o teu mar

Do meu mundo os teus braços


(...)

22 agosto 2013

... o que eu gosto disto...
Boa Noite





e tu,
sempre tu

num prodígio de luz

a enlouquecer-me
as sombras


gil t. sousa 





[eu, que me verti toda em sombras,
em sombras de mim,
do que fui, do que vivi, do que senti e lutei de olhos fechados ao mundo
ilumino-me, trémula, como se houvesse sol nos teus olhos. 
e há. 
 é o sol que me faz sombras. 
sem luz nunca haverá sombra. 
e a minha sombra enlouquece-se à tua luz
baralha-se 
esquece-se de ser
nunca deixando de ser
a sombra da tua luz ensandecida]